Estadão.com.br


A geografia do voto em São Paulo

Os resultados das últimas eleições para prefeito, governador e presidente mostram uma cidade dividida entre zonas pró-PT (vermelho), anti-PT (azul) e volúveis (cinza). Clique nas zonas eleitorais no mapa abaixo para ver o perfil sócio-econômico e eleitoral de cada uma e dê zoom para procurar o seu endereço. Assista aos vídeos para saber o que pensam os eleitores da área que balança, um termômetro dos humores em todos os redutos da cidade.






















Intenção de voto, segundo o Ibope (em %)































As pesquisas do Ibope estão registradas no TRE-SP sob os números 00027/2012 (realizada de 5 a 7 de maio), 00311/2012 (de 31/7 a 2/8) e 00198/2012 (de 13 a 15/8). Em todas, foram feitas 805 entrevistas. A margem de erro máxima é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.


Veja os dados completos de cada zona eleitoral


Metodologia: O mapa da cidade de São Paulo apresentado nesta página está dividido pelas suas 58 zonas eleitorais e pintado de acordo com o comportamento do eleitorado dessas regiões. As áreas em vermelho votaram sempre majoritariamente em candidatos petistas nas últimas eleições de 2008 (para prefeito) e 2010 (para governador e presidente). As regiões azuis tiveram a mesma regularidade na maneira de votar, mas em candidatos não petistas. Já as áreas em cinza são volúveis: nelas o PT venceu pelo menos uma vez, mas outros partidos foram mais votados em pelo menos uma das eleições majoritárias do período. As entrevistas em vídeo foram realizadas por Lourival Sant'Anna e o mapa da cidade dividida em três zonas (pró-PT, anti-PT e neutra) foi elaborado pelo Ibope a pedido do Estadão Dados. O projeto também teve a consultoria do pesquisador Maurício Moura.









Leia também:
Eleitor procura candidato conhecido que traga renovação
Perfil social define redutos eleitorais e revela uma cidade polarizada
Nichos geográficos e sociais são alvo de marketing político
É a saúde, estúpido!
Análise: Eleitor-consumidor quer virar cidadão
Para candidatos, cada bairro é uma cidade
Criada por 4 pessoas, divisão em distritos completa 20 anos





FONTE: Ibope e Seade